RECONTANDO HISTÓRIAS


Diz o senso comum que "continuar o trabalho de outros pode ser muito mais árduo do que começar algo do zero", logo se você pretende repensar o trabalho de outras pessoas pode se preparar para arregaçar as mangas!

Reescrever histórias, ou mesmo mudar o ângulo da narrativa pode ser um excelente exercício de Storytelling, como no caso dos fanfictions. Há também histórias que são repensadas por outros autores de outras épocas, como é caso o livro O Último Anel de Kiril Yeskov.



Neste livro, a história do clássico O Senhor dos Anéis é repensada transformando o vilão Sauron em protagonista! Na trama, Mordor seria uma civilização tecnologicamente avançada que é vista de forma negativa pelas povos da Terra Média, que seriam na verdade fanáticos religiosos!


Há também exemplos recentes como Malévola, da Disney, que conta a história da bruxa vilã do conto de fadas Cinderela e acaba se tornando protagonista do seu próprio filme.

O fato é que, para recontar uma história, o Storyteller deve entender como ela foi feita, seu contexto histórico, a intenção do autor e o pano de fundo sociocultural no qual ela está inserida. É por isso que muitas vezes o trabalho de pesquisa por trás de um reboot ou mesmo um spinoff pode ser muito mais trabalhoso do que numa história convencional.

Outro fator é lidar com o público. Grandes histórias criam uma cultura em volta de si. Por isso o autor que pretende recontá-la também deve conhecer as expectativas dos fãs e a visão deles sobre aquela obra.

E aí? Pronto pra recontar uma história? O importante é praticar!

Related

senhor dos anéis 7549025982160815607

Postar um comentário

Comentários
0 Comentários

emo-but-icon

Lançamento

item