É POSSÍVEL APRENDER MAIS COM HISTÓRIAS DO QUE LIVROS TÉCNICOS?



Agora que as férias acabaram e a realidade corporativa voltou, questões antigas ressurgem. Só que o espírito das férias ainda persiste e insiste que faça algo de diferente. Eis que surge um pensamento sobre aquela apresentação que você precisa começar a fazer agora. Como seria possível deixar menos chato? O espírito das férias tem esse poder de buscar a leveza...

Aí você vai, procura no Google "como fazer apresentações mais legais" ou quem sabe "exemplos de relatórios menos entediantes" ou ainda "capacitações divertidas" e acaba achando esse site.

A resposta imediata é que, sim, existe um outro mundo, muito mais recompensante e que inclusive já vem sendo explorado por muitas empresas. Normalmente diria que é através do "storytelling", mas isso pode gerar alguma confusão. Talvez o melhor termo seja algo na linha de "storied content". Para que a conversa não entre no campo da terminologia, o importante é entender que sua missão não se trata de contar uma historinha qualquer.

O que você quer, o que a audiência quer, o que o consumidor quer, enfim, o que todo o mundo quer, na verdade, é uma Senhora História, dessas que precisamos escrever com letra maiúscula. Pense nas histórias que você ouve comentarem nos corredores, no café, na mesa do jantar... é sério, puxe da memória antes de ir para o próximo parágrafo.

Relembrou? Pois é, alguma dessas histórias são pautadas por acontecimentos bobos ou triviais? Aposto meu décimo terceiro que não. Ninguém vai perder tempo contando uma história bobinha. Mesmo dentro do mundo corporativo, somos humanos e adoramos as BOAS histórias.

Aí que entramos na parte legal da conversa. Por mais comercial que uma história possa parecer, ela sempre vai trazer ensinamentos. Isso faz parte da natureza do que consideramos "interessante".

Para provar essa afirmação, formulei como algumas das melhores histórias de 2013 poderiam servir como base para grandes cursos corporativos.

Dizem que toda vida daria um livro... não sei. Mas garanto que todo bom livro, filme ou seriado daria um ótimo curso.

OBS: Para quem nunca leu ou viu os seriados citados, é melhor não clicar nos links... eles podem conter informações que estraguem as surpresas.

BRANDING COM BREAKING BAD -
O seriado mais bem avaliado pelo público também é uma graduação para quem quer aprender sobre como construir uma marca. Ele prova que as pessoas irão pagar mais por uma marca forte. Já até fizeram dicas de branding a partir disso:
http://www.dearmondcreative.com/5-things-breaking-bad-can-teach-us-about-branding/
http://www.brainsonfire.com/blog/2013/09/30/breaking-brand-5-brand-lessons-amcs-breaking-bad/

ADMINISTRAÇÃO COM HOUSE OF CARDS -

"A série House of Cards, exibida no canal online Netflix, tem mais lições sobre a luta pelo sucesso que muito livro de administração" é o que diz a Revista VOCÊ S/A.


ESTRATÉGIA DE NEGÓCIOS COM GAME OF THRONES -
Esse aqui seria um dos meus cursos preferidos. Ele poderia ensinar lições de negócios de uma forma generalizada ou ir mais a fundo e partir da experiência e do ponto de vista de personagens e mostrar o que aprender com cada um deles, como por exemplo, Ned Stark e a necessidade de se adaptar a uma promoção.

LIDERANÇA COM PODEROSO CHEFÃO -
OK, é verdade, essa história não é nova... mas é para provar que uma história muito boa não envelhece nunca e até hoje continua inspirando e ensinando gerações. Sei que sou suspeito para falar isso, mas essa quem disse foi a Época Negócios.

SOCIEDADE, CIÊNCIA E SOBREVIVÊNCIA COM THE WALKING DEAD -
Para finalizar, vou comprovar a tese. As boas histórias não só poderiam gerar cursos como, de fato, algumas já o fizeram. É o caso da Universidade da Califórnia que usou a história de Walking Dead para montar um curso online.

Uma possibilidade é aprender com as histórias. A outra é aprender como ensinar com histórias. Se quiser saber mais, participe dos cursos ou entre em contato.

Related

storytelling corporativo 2125108869105717040

Postar um comentário

Comentários
0 Comentários

emo-but-icon

Lançamento

item