Perdi o juízo!


Pelo menos essa é a história que contam sobre o dente do siso. O lado bom da coisa ruim foi aproveitar a barba de molho para listar o que o semestre reserva. Esse post é uma espécie de pedido de desculpas por não ter dado atenção por aqui

Ontem eu e a Martha Terenzzo tivemos o prazer de treinar o pessoal do Google sobre como transformar dados em narrativas. Aliás, esse é o mesmo assunto que vou tratar no IT Forum da América Latina em Miami. O maior desafio vai ser explicar em espanhol para CIOs das maiores empresas LATAM.

Hoje estive com a turma do Unicef. Essa foi diferente, por ser um curso online com pessoas de diversos estados. Uma continuação transmidiática do curso presencial em Brasília para falar justamente de transmídia. Diferente, mas funcionou.

Amanhã é a vez do curso para jornalistas na sede da Imprensa Editorial com parceria do Adnews. Uma tarde de escrita criativa, com a mão na massa.

Segunda que vem começa a quinta edição do curso Inovação em Branded Content na ESPM-SP. Seguimos a recomendação dos alunos nos feedbacks, fizemos uma turma mais reduzida, intimista e com ares de oficina. Um experimento para próximas edições.

Falando no tema, fui entrevistado pelo jornal Meio & Mensagem sobre um especial de Branded Content. A conversa durou mais de uma hora. A matéria deve sair ainda nesse mês. Postarei por aqui.

Ainda na semana que vem, teremos o lançamento de um livro para o qual escrevi um capítulo. O título é "Comunicação com Empregados". Falei de Storytelling, já propondo o termo Endotelling como sendo a vertente especializada de técnicas de Storytelling voltadas para dentro da empresa. São 24 autores e 3 organizadores. Todos convidados para o evento de lançamento, dia 17 às 19h na Casper Libero.

Falando em lançamentos editoriais, o momento mais esperado do semestre é a publicação do livro de Storytelling que escrevi com a Martha Terenzzo, resultado de dois anos de escrita e oito anos de estudos de centenas de livros e realização de dezenas de projetos com grandes empresas. Uma obra digna do tema.

Outra novidade do semestre é o lançamento de cursos online. Finalmente, depois de anos de demanda, consegui pensar em formatos interessantes que pudessem conversar com as atividades presenciais. Os primeiros cursos disponíveis serão "Transmídia que Transborda" e "Storytelling para Não-Criativos". Muito peculiar a experiência de passar horas ensinando para uma câmera...

Ah, e também prometi levar o curso de Branded Content para BH e também uma edição de Storytelling para Florianópolis. Sem falar em diversos cursos e palestras in-company...

Falando em planos futuros, já estou reunido com um pessoal bacana demais para montar um curso de Brandtelling e outro pessoal fantástico para desenvolver um método de Gametelling. Esses são para 2016, mas prometem!

Indo para o lado mais prático do Storytelling, dois projetos fabulosos estão em andamento. Um tem a ver com as histórias de uma cidade histórica. O outro tem a ver com transformar todos os eventos e as revistas de uma grupo de mídia em uma grande experiência narrativa e transmidiática no melhor estilo Tomorrowland.

Bom, agora some tudo isso com as questões burocráticas da vida e dá para entender por que estou sumido das redes sociais. Buenas, melhor corrido que parado.

Então, se estou devendo responder alguma mensagem para alguém, não é nada pessoal. Talvez seja falta de juízo. Afinal, agora estou sem um siso. O pior é que a foto mostra que estava com ele no táxi, mas ele caiu na hora que desembarquei. Se alguém encontrou um dente perdido por aí, é meu!

Related

CORINGA 4344221513459589322

Postar um comentário

Comentários
0 Comentários

emo-but-icon

Lançamento

item